webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Vídeo: Rui Palmeira diz que vai entrar com ações judiciais contra a Braskem

Com o resultado do laudo da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), o prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), disse – em vídeo postado nas redes sociais – que vai entrar na Justiça contra a Braskem.

Após a audiência pública ocorrida nesta quarta-feira, 08, o relatório da CPRM apontou que os problemas ocorridos nos bairros do Bebedouro, Mutange e Pinheiro estão acontecendo por causa da instabilidade do solo com a extração de sal-gema feita pela Braskem.

O prefeito de Maceió explicou que o resultado dos estudos da CPRM apontam (o que muita gente já sabia) a empresa como a principal causadora do problema e que está trabalhando – junto da Procuradoria Geral do Município (PGM) – para entrar com ações judiciais contra a Braskem.

“Pessoal, agora temos o resultado dos estudos da CPRM nos bairros do Pinheiro, Mutange e Bebedouro. A mineração feita pela Braskem foi apontada como a principal causadora do problema. Já estou tocando com a Procuradoria Geral do Município para entrarmos com ações judiciais contra a Braskem para os devidos ressarcimentos aos moradores dos bairros e ao município de Maceió”, escreveu o prefeito.

Abaixo, segue a declaração postada nas redes sociais.

#VidaQueSegue

Email: kleversonlevy@gmail.com

Redes sociais: @kleversonlevy e @blogkleversonlevy

Deixe um comentário