TRT/AL reconheceu a luta de jornalistas e garantiu direitos para os profissionais

Após completar nove dias de greve, jornalistas alagoanos respiram aliviados com o resultado do julgamento do dissídio votado no Pleno do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL).

Foi uma vitória de classe, da categoria, do povo alagoano, dos trabalhadores e de toda sociedade que abraçou esta causa em prol de cada profissional que faz a comunicação do estado de Alagoas ser uma das melhores do Brasil.

Diga-se de passagem que os desembargadores do TRT/AL foram justos ao decidirem sobre todas conquistas para a categoria nesta quarta-feira, 03 de julho de 2019. A concessão de reajuste salarial de 3% à classe dos jornalistas, ajustando o piso salarial de R$ 3.565,27 para R$ 3.672,22, é uma conquista SIM daqueles que em nove dias de sol, chuva, calor, frio e sono não baixaram a cabeça para os patrões.

O reajuste do piso salarial é retroativo à data-base da categoria (1º de maio) e poderá ser pago em 4 parcelas de 0,75% até agosto. Outro ponto aprovado por unanimidade foi a garantia do pagamento de salário por 90 dias aos grevistas a partir da data da publicação do Acórdão, ainda que haja dispensa imotivada, conforme Precedente Normativo do Tribunal Superior do Trabalho (TST).

A adesão de 90% dos jornalistas alagoanos foi suficiente para vencer os chefões da TV Gazeta-Globo (senador Fernando Collor), Sistema Opinião de Comunicação (SBT e Grupo Hapvida) e TV Pajuçara-Record (ex-senador João Tenório e Emerson Tenório).

Vale lembrar ainda que, no julgamento do Dissídio Coletivo (DC – 0000103-90.2019.5.19.0000), os desembargadores também decidiram pela legalidade da greve e pelo não desconto dos nove dias parados.

Blog Kléverson LevyBlog Kléverson Levy
Jornalistas comemoram vitória após resultado no TRT-AL / Foto: Jonathan Lins

Portanto, o TRT/AL (leia-se a desembargadora Anne Inojosa, presidente; desembargadores Laerte Neves de Souza, Adrualdo Catão (revisor), Vanda Lustosa, João Leite; e o juiz convocado, Alan Esteves) reconheceu a luta dos jornalistas alagoanos e garantiu os direitos para os profissionais.

A greve acabou! Voltamos amanhã com a programação normal! Vence o jornalismo! Vence a sociedade ! Vence o nosso telespectador e leitor! Vence a categoria! Vence os profissionais! Vence o jornalismo brasileiro e, principalmente, o alagoano! #LuteComoUmJornalista

Luta e resistência!

#VidaQueSegue

#VamosàLuta

Email: kleversonlevy@gmail.com

Redes sociais: @kleversonlevy e @blogkleversonlevy

Deixe um comentário