Slider

Renan diz que atitude de desfiliação de deputado foi “falsa assertiva”

Foto: Assessoria

Ontem, 06, o senador Renan Calheiros (MDB) enviou ao desembargador José Donato de Araújo Neto, do colegiado do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AL), uma resposta de citação para o caso do deputado estadual Marcelo Beltrão (MDB). 

Na última terça-feira, 03, circulou a informação que o parlamentar foi ou seria “expulso” do partido no qual ele é líder na Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE).

Como justificativa de desfiliação, o deputado emedebista “requereu que seja decretada a justa causa para sua desfiliação partidária, em razão de grave discriminação pessoal e política que lhe foi imposta, consubstanciada em fatos discriminatórios reconhecidos pela própria sigla”.

Na citação oficial e assinada pelo senador alagoano, ao Processo de Nº 0600028-55.2020.6.02.0000, Renan Calheiros desconsiderou a atitude tomada pelo secretário geral do MDB em Alagoas, Ricardo Nascimento Santa Rita, e disse que a invocada decisão é “falsa assertiva”.

“A manifestação do senhor secretário geral do MDB em Alagoas, Ricardo Nascimento Santa Rita, datada de 04 de fevereiro de 2020, carece de legitimidade partidária. A invocada decisão da “direção do MDB Alagoas” inexiste e, consequentemente, trata-se de falsa assertiva”, pontuou o senador. 


No texto, o presidente estadual da sigla ainda ressaltou que secretário geral do diretório estadual do MDB não tem atribuição estatutária ou delegação da Comissão Executiva para responder qualquer consulta no estado de Alagoas. 

Resumindo: Calheiros deixa claro que Santa Rita não tem autorização e/ou autoridade alguma para responder pelo partido, principalmente, no caso da solicitação formulada por Marcelo Beltrão para desfiliação. 

Ao final das alegações, de acordo com o que consta no documento oficial, o senador Renan destaca que “não houve a alegada deliberação antecipada em benefício de outro nome, uma vez que não aconteceram ainda suas convenções municipais”. 

“Diante dos fatos, dissipa-se a alegada discriminação pessoal e política em desfavor do deputado estadual Marcelo Beltrão Siqueira”, finalizou Renan Calheiros.

Em tempo!

Como cobrou o Blog Kléverson Levyo MDB Alagoas – através do presidente estadual – respondeu sobre essa questão de ‘expulsão’ do deputado estadual Marcelo Beltrão.

Leia também: Como um líder pode ser expulso do partido por ‘discriminação’ diante de regalias?

#VidaQueSegue

Deixe um comentário