webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Prefeitura vai fazer valer cumprimento de decretos no carnaval

Por Assessoria

Secretários municipal da Prefeitura de Maceió e o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-AL) realizaram uma live como forma de orientar à população para o cumprimento das regras sanitárias contidas nos decretos de enfrentamento da pandemia de Covid-19.

O objetivo é único: evitar aglomerações e contra o coronavírus!

Os gestores apresentaram aos internautas as ações a serem implementadas entre os dias 13 e 16 de fevereiro. Como os festejos estão suspensos, uma ‘força-tarefa’ foi criada para monitorar a cidade, atuando com rigor nas situações em que cidadãos ou estabelecimentos infringirem a lei.

Segundo o secretário do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) de Prevenção à Covid-19, Claydson Moura, o lema deste ano atípico é ‘tolerância zero’ aos paredões de som ligados para perturbar o sossego e aglomerar.

E atenção: os proprietários destes equipamentos estão sujeitos a responder por crime ambiental (inafiançável) e/ou crime contra a saúde pública (em caso de aglomeração).

“Se o descumprimento for flagrado em estabelecimentos ou nas atividades de ambulantes, a pena será ainda mais dura. As casas podem ter os alvarás de funcionamento suspensos por até seis meses. No caso dos prestadores de serviços, a permissão pode ser banida definitivamente”, destacou Mourinha.

Segurança

Já secretário municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social, Thiago Prado, destacou que a fiscalização vai coibir as festas clandestinas, os desfiles de blocos e as aglomerações.

Para isso, mobilizou equipes itinerantes compostas por diversos órgãos da administração municipal para atuação em pelo menos cinco microrregiões: orla marítima, Jacintinho, Vergel do Lago, Benedito Bentes e Tabuleiro do Martins.

“Estamos prontos para atuar, ainda, nas ocasiões em que ocorram festas que extrapolem o limite máximo de pessoas, que é de 300 por evento, nas que o distanciamento social não seja respeitado. Contaremos com o apoio integral da Polícia Militar neste planejamento após a garantia que recebemos do comandante de policiamento da capital, coronel Carlos Luna, um homem republicano com a visão de que de mãos dados alcançaremos os objetivos”., disse Thiago Prado.

Com informações da Secom Maceió

Deixe um comentário