PMM---VACINA-MACEIO---WEBBANNER-728x90px

“Nossa luta foi bastante válida”, relata presidente do Sinteal sobre a volta dos 14%

Por Kléverson Levy

O governador Renan Filho (MDB) e a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal), além do novo secretário de Estado da Educação, Rafael Brito, se reuniram – esta semana – para definir alguns pontos para Educação estadual.

Em contato com a presidente do Sinteal, Consuelo Correia, o Blog Kléverson Levy perguntou sobre a avaliação do Sindicato, diante da fala do governador, em relação ao fim do desconto de 14% nos salários dos servidores públicos do Estado.

Correia explicou que a categoria espera, ansiosamente, que o Projeto de Lei enviado pelo Governo de Alagoas, chegue à Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE), o mais rápido para apreciação e votação.

“A reunião foi bastante positiva e o Governo reafirmou o compromisso com a categoria sobre a taxação para aposentados e pensionistas. Está precisando finalizar o cálculo atuarial e vê se a linha de corte será acima do teto previdenciário, em torno de R$ 6.433, para concluir sobre a retirada do desconto. Então, esperamos que na próxima semana o PL chegue à ALE e, a partir de junho, a votação para que isente os aposentados e pensionistas que recebem abaixo do teto previdenciário não pagar mais ao AL Previdência”, disse Consuelo.

Governador e secretário receberam diretoria do Sindicato / Fotos: Facebook Sinteal

Ao falar da conquista dos aposentados e pensionistas, que há mais de um ano perdiam 14% no salário mensal, a presidente do Sinteal disse que toda luta valeu a pena.

“Nossa luta foi bastante válida. Foi um ano de luta e cobranças nas redes sociais, vídeos e propagandas que valeram a pena para os aposentados e pensionistas. É uma conquista de todos os servidores da Educação em Alagoas”, concluiu Consuelo Correia.

Portanto, a revisão ao Projeto de Lei (PL) para o Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos do Estado de Alagoas (RPPS/AL) deverá ser enviado, até a próxima semana, para Casa de Tavares Bastos.

Repito: a correição (ao reajuste e ao retorno dos 14%) é justa para esses servidores públicos de Alagoas que – repentinamente – saíram de 0% para 14% de descontos (em contribuição do AL Previdência).

É isto!

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Uma comentário sobre ““Nossa luta foi bastante válida”, relata presidente do Sinteal sobre a volta dos 14%”
  1. Valter Wanderlei - Responder

    Levy, Gostei da matéria dos 14% para retornar para o salário dos servidores. Se Deus quiser será em breve. Amém!🙏🙏🏼🙏🏼

Deixe um comentário