Slider

Na ALE, governador fala em ‘releitura’ da alíquota de 14% dos aposentados

Por Kléverson Levy

Após uma semana do Blog Kléverson Levy obter do secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), George Santoro, uma resposta de “esperança” para os milhares de aposentados e pensionistas do Estado, o governador Renan Filho (MDB) se manifestou – publicamente – sobre o assunto.

Na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE), RF falou em ‘releitura’ sobre o Projeto de Lei (PL) do novo Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos do Estado de Alagoas (RPPS/AL), aprovado em dezembro de 2019, na Casa de Tavares Bastos.

Ao Blog Kléverson Levy, na semana passada, o secretário George Santoro, ao ser interrogado sobre o PL, alterando a alíquota do AL Previdência para os aposentados e pensionistas, respondeu que sua equipe estava ‘estudando o caso e, no prazo de 90 dias, teria uma resposta concreta’.

Leia Também: ‘Prazo de 90 dias’, aponta secretário sobre estudo dos 14% do AL Previdência

Hoje, 18, Renan Filho disse aos deputados estaduais que vai encaminhar à Casa de Tavares Bastos o estudo que está sendo feito pelo atuário e técnicos da Sefaz para avaliação dos parlamentares.

“No caso da receita previdenciária, ela é difícil de aumentar, porque ou você aumenta a contribuição para o servidor, o que foi feito, ou você contrata mais servidores para deixarem de contribuírem com o INSS e contribuírem com o sistema próprio. Nós elevamos o percentual [de contribuição previdenciária] para o que determinou a Constituição [Federal], os 14%. Mas, agora, com o ciclo de concursos que nós vamos fazer, vamos elevar a receita bruta à frente, o que vai permitir, baseado no cálculo atuarial e na técnica, que a gente faça uma releitura da contribuição previdenciária de alguns servidores públicos, especialmente dos mais pobres”, disse Renan Filho.

Confira no vídeo abaixo o trecho!

Porém, vale lembrar: de 0% para 14% de descontos (a contribuição) é uma crueldade enorme, principalmente, para quem deveria gozar dos direitos por contribuir com o crescimento de Alagoas – trabalhando pelo Estado -durante uma vida toda.

Que o governador Renan Fillho faça valer essa proposta o mais rápido possível, afinal, são meses que pais e mães alagoanas sofrem com essa injustiça contra os aposentados e pensionistas do Estado.

Leia Também: Vídeo: a ‘injustiça’ da gestão de RF contra os aposentados do Estado

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Deixe um comentário