webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Madeiro na saúde de Maceió mostra o tamanho da força de deputado

Foto: Redes Sociais

Quem mais ganha força na gestão do prefeito eleito João Henrique Caldas, o JHC (PSB), é o deputado estadual Davi Maia (DEM).

Maia, segundo o que apurou o Blog Kléverson Levy, será – ao que tudo indica – tratado como um primeiro-ministro da administração “JHCista” (Blog já intitula quem se diz aliado).

Pela grande influência política, que vai obtendo desde a eleição, e na parte administrativa com a transição em andamento, Davi ganha espaço e força para sugerir nomes na Prefeitura de Maceió.

A indicação do novo secretário municipal de Saúde, Pedro Madeiro, por exemplo, aponta o tamanho do parlamentar dentre os demais aliados e responsáveis pela vitória de João Henrique Caldas.

Madeiro, que ainda é tio de Davi Maia, até então, estava “pretenso” a ser secretário de Saúde em Coruripe, na gestão do prefeito eleito Marcelo Beltrão (PP).

Porém, devido aos laços com o deputado estadual-sobrinho, Pedro – considerado um técnico da área – preferiu ganhar mais visibilidade em Maceió.

Pedro Madeiro já foi secretário de Saúde em Jequiá da Praia (à época de Marcelo Beltrão) e ocupou a mesma pasta em Penedo, na administração do ainda prefeito Március Beltrão (PDT), onde ficou até o início deste ano.

Foi um dos responsáveis também pela criação do Consórcio Intermunicipal do Sul de Alagoas (Conisul).

Portanto, deixando de lado a experiência técnica que tem o novo secretário de Saúde da capital, o que interessa são os bastidores da política da capital alagoana.

Concluindo: Pedro Madeiro no comando da Secretaria de Saúde de Maceió mostra – de fato – o tamanho e a força de Davi Maia na gestão JHC até com mais algumas indicações.  

Ou seja, 2022 poderá ser de novos voos – e altos ? – para o deputado estadual quebrangulense.

Será?

Redes sociais: @kleversonlevy @blogkleversonlevy

Deixe um comentário