PMM---VACINA-MACEIO---WEBBANNER-728x90px

Maceió é o destino mais procurado do país há seis semanas na CVC

Foto: Wesley Menegari

Matéria publicada na Agência Alagoas revela que Maceió segue liderando a busca por destinos nacionais na plataforma da CVC há seis semanas consecutivas.

A informação foi repassada pela Diretoria de Produtos Nacionais da empresa em reunião online com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, o trade turístico alagoano e representantes de cidades turísticas na manhã desta sexta-feira (10).

Maceió lidera o ranking de vendas realizadas neste período das últimas seis semanas para viagens no futuro, e em orçamentos, entre clientes que estão ainda pesquisando pacotes e passagens aéreas.

Entre as razões apontadas pela CVC para essa liderança dos produtos turísticos de Alagoas estão a rápida implantação de protocolos sanitários, o controle da pandemia no Estado – no comparativo com outros destinos brasileiros – e a redução da violência.

“Nós estamos colocando em prática o maior investimento da história para a retomada do turismo em Alagoas. Saímos na frente dos destinos concorrentes, elaborando um protocolo de retomada com embasamento científico e estamos retomando as atividades aos poucos, cautelosamente. Todo este trabalho contribui para a imagem do destino e aliado às conquistas como redução significativa da violência, nossas belezas naturais e atrativos turísticos, forma-se a nossa receita do sucesso, garantindo que o Estado seja protagonista na retomada do turismo brasileiro, voltando a gerar renda e emprego a milhares de alagoanos o quanto antes”, ressaltou o secretário Rafael Brito.

Desde 2017, o governo de Alagoas e a CVC trabalham em parceria para promoção do Estado em todo o país.

Neste período de pandemia, foram realizadas capacitações e workshops online promovendo os produtos turísticos alagoanos para agentes de viagens da operadora em todo o Brasil.

Ou seja, a retomada da atividade turística após a pandemia em Alagoas promete ser uma das mais promissoras do Brasil.

Por Agência Alagoas/ Texto de Thiago Tarelli

Deixe um comentário