webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

LOA 2021: duodécimo da Câmara de Maceió será de R$ 72 milhões

Por Kléverson Levy

Apesar do atraso e demora para apreciação da Lei Orçamentária Anual para (LOA) o ano de 2021, a Câmara de Vereadores de Maceió deu fim ao caso no dia de ontem, 25, ao aprovar a LOA na sessão ordinária virtual.

Agora, após os vereadores votarem pelo sim, a LOA vai garantir recursos para investimentos municipais que estavam – até então – paralisados. A previsão de receita do município corresponde a R$ 2,5 bilhões (2.567.202.397,00).

Já o duodécimo do legislativo da capital, segundo informações da Assessoria da Casa de Mário Guimarães, será de R$ 72 milhões neste ano de 2021.

Além disso, com o aumento do número de vereadores de 21 para 25 nesta nova legislatura, o custeio da Casa aumentou – essa é a justificativa – em R$ 6 milhões.

A LOA fixa despesas e receitas para todos os órgãos e repartições municipais. Ela foi votada e aprovada em primeira discussão. A segunda discussão ocorreu em seção extraordinária, convocada imediatamente, após a sessão ordinária.

Já a peça orçamentária foi relatada pelo vereador João Catunda (PSD) e aprovado na Comissão de Orçamento presidida pelo vereador Brivaldo Marques (PSC).

Em Tempo: a Mesa diretora ressalta ainda que, em pouco mais de 100 dias da gestão atual, a Câmara de Maceió conseguiu enxugar os gastos em torno de R$ 1,9 milhão (R$ 1.984.545,83).

É isto!

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Deixe um comentário