webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Disputa pela Prefeitura coloca MDB de Arapiraca em ‘guerra interna’

Foto: Ascom/ALE

A eleição de 2020 para prefeito de Arapiraca se tornou uma disputa interna no MDB arapiraquense.


A briga dentro da sigla comandada – em Alagoas – pelo senador Renan Calheiros coloca em ‘xeque’ quem será o nome Calheirista da eleição de outubro vindouro.


Sabe-se que o deputado estadual Ricardo Nezinho e o vice-governador, Luciano Barbosa, estão – internamente – buscando apoios e nomes para serem os (um dos dois) candidatos do MDB à Prefeitura de Arapiraca.


Ricardo Nezinho ou Luciano Barbosa? Essas são as respostas que os arapiraquenses e até os próprios pré-candidatos emedebistas estão buscando nos bastidores políticos do segundo maior colégio eleitoral do Estado.


De um lado, Nezinho tinha sua candidatura dada como certa, até bem pouco tempo. Tanto que o próprio deputado tem dito aos mais próximos que conta com os apoios dos Renans (pai e filho) e do deputado estadual Olavo Calheiros para o pleito deste ano.


Do outro, Luciano Barbosa que – em meio às crises na Educação – resolveu voltar à Arapiraca de “paraquedas”, após se sentir fragilizado na equipe do governador Renan Filho e perdeu fôlego diante das operações policiais que envolveram o seu nome e o de sua família.

Na cidade de Manoel André, o vice-governador – já como pré-candidato emedebista – diz por onde passa que também conta o apoio do governador, tomou dianteira das negociações políticas e – sendo e/ou prevendo ser eleito – vai deixar com que RF fique sem o vice-governador-secretário.


Tanto que, de acordo com informações obtidas pelo Blog Kléverson Levy, integrantes do MDB de Arapiraca defendem a candidatura do deputado Ricardo Nezinho, já que na Câmara de vereadores o parlamentar conta com o apoio irrestrito de seu irmão, o vereador Rogério Nezinho.


Já Luciano Barbosa tem como “fiéis escudeiros” a dupla Léo Saturnino e Fábio Henrique. Ou seja, a disputa pela Prefeitura de Arapiraca coloca o MDB local em grande ‘guerra interna’. 

Será?


Lembrando: Nas eleições de 2016, Nezinho perdeu para o atual prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo (PSDB), por apenas 259 votos, na cidade do agreste que tem o eleitorado acima de 120 mil votantes.


Redes sociais: @kleversonlevy e @blogkleversonlevy

Deixe um comentário