webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Deputados “fecham o cerco” contra Sesau em Alagoas

Por Kléverson Levy

Parece que o clima entre Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) e o secretário de Estado da Saúde (Sesau), Alexandre Ayres, ‘azedou’ de vez na Casa de Tavares Bastos.

Deputados estaduais aproveitaram o discurso de Cabo Bebeto (PTC), após levantar o assunto sobre a visita que fez com mais dois colegas ao Hospital Geral do Estado (HGE), para criticar a ausência do Poder Público na área da saúde.

No final de semana, além de Cabo Bebeto, Davi Maia (DEM) e Dudu Ronalsa (PSDB) realizaram uma visita “in loco” ao HGE e constataram várias irregularidades – o que não é novidade.

De fato, os parlamentares alagoanos estão numa ‘mira’ de confronto com o secretário Alexandre Ayres. Davi Maia, inclusive, tem ido com ‘força’ nas denúncias contra a pasta da Saúde em Alagoas.

O deputado já ‘bateu pesado’, desde o mês passado, sobre os plantões fraudulentos na Sesau. Leia + AQui! Deputado ‘bate pesado’ em Ayres (Sesau) apontando para 2022

Parlamentares alagoanos estão numa ‘mira’ de confronto / Fotos: Igor Pereira-ALE

Nos bastidores, todavia, cada um sabe o sabor e o dissabor de ser oposição/situação no momento em que o ano pré-eleitoral é importante para o pleito vindouro.

Porém, após a visita do trio de deputados (Bebeto, Davi e Dudu) o “cerco se fechou” contra a Sesau em Alagoas. Afinal, entre um aparte e outro, cabe aos deputados cobrarem – com afinco – que o alagoano tenha um serviço de saúde prestado com qualidade.

Todavia, a situação do HGE são favas contadas de todos os governos que já passaram pela cadeira que está sentado o governador Renan Filho (MDB).

Entra governo e sai governo, mas o Hospital Geral do Estado (HGE) continua na mesma situação. E o povo…. Ohhhh!!!

A pergunta que fica: haverá, de fato, uma CPI para apurar todas essas denúncias apresentadas pelos deputados na ALE?

É isto!

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Deixe um comentário