Slider

Conceição Tavares afirma que continua ‘firme e forte’ na disputa em Traipu

Fotos: Cortesia para o Blog/Arquivo

Quem disse que a ex-prefeita de Traipu, Conceição Tavares, estaria fora do pleito deste ano, se enganou. Tavares, filiada ao PTB, confirmou ao Blog Kléverson Levy que permanece na ‘briga’ pelo Executivo traipuense em 2020.
Além do atual prefeito, Silvino Cavalcante (PRTB), a ex-prefeita deverá enfrentar nas urnas o filho do também ex-prefeito, Marcos Santos, conhecido como Lucas Santos (MDB).
Por outro lado, Conceição Tavares sabe que tem um eleitorado fiel, é filha da terra, não abandonou a cidade desde que saiu do Executivo, elegeu o primo e ex-prefeito, Eduardo Tavares (PSDB), que renunciou ao mandato; e,  além disso, vinha contribuindo com o atual prefeito fazendo a ‘gestão andar’.
Como está no PTB local, manteve uma base sólida e de sustentação para sua pré-candidatura à Prefeitura local. Com quase metade da Câmara de Vereadores em apoio, Tavares conseguiu reunir também mais nomes como pré-candidatos ao legislativo local para ter ‘palanque de peso’ na cidade.

Ao falar sobre seu nome na disputa, a ex-gestora disse ao Blog Kléverson Levy que permanece ‘firme e forte’ na disputa eleitoral e que sofreu um “grande golpe” político.
“Estou firme e forte, apesar de ter sido traída e, muitas vezes, humilhada pelo sistema imposto. Sofri um grande golpe e todos [na cidade] sabem disso. Trabalhei muito e, com certeza, irei resgatar o que realizei – politicamente e administrativamente – em Traipu. O meu trabalho me dá credibilidade para que possa voltar. Para isso, conto com amigos e aliados”, reiterou Conceição Tavares.
Portanto, apesar de opositores afirmarem que a ex-prefeita estaria fora do pleito, na tentativa de retirá-la da disputa, ela reafirma – com veemência –  que será candidata pelo PTB de Traipu com o apoio de sua base aliada, um grupo de vereadores e a população traipuense que vai reconhecer – novamente –  seu trabalho como prefeita durante seus dois mandatos.

Redes sociais: @kleversonlevy @blogkleversonlevy

Deixe um comentário