webbanner_BEM+VALORIZA_728x90px
WhatsApp Image 2021-11-04 at 14.44.55 (3)

Campanha “Veta, JHC” coloca prefeito entre o lado político e a opinião pública

Por Kléverson Levy

O “Pacote de Bondades” da Câmara Municipal de Maceió (CMM), após aprovação da Verba Indenizatória de Atividade Parlamentar (VIAP) e outras benesses para os vereadores da capital, trouxe uma cobrança ao prefeito de Maceió, João Henrique Caldas, o JHC (PSB).

A depender da decisão de JHC, todavia, a reposta terá grande reflexo em toda sociedade.

A campanha “Veta, JHC” pede que o prefeito de Maceió diga não ao aumento do duodécimo na Câmara de Maceió que beneficiará, apenas, os vereadores da capital.

Até então, o silêncio impera no legislativo de Maceió sobre a Verba Indenizatória de Atividade Parlamentar (VIAP) de R$ 10.500 para R$ 15 mil.

A lembrar que, apenas, o vereador Leonardo Dias (PSD) foi contra o aumento da VIAP. De fato, a conta vai para o cidadão da capital alagoana que é quem vai pagar se esse aumento for aprovado (sancionado) pelo Executivo. 

A ‘tapa na cara’ da população maceioense em pleno final de ano. O chamado “trem da alegria” na Casa Mário de Guimarães.

“O prefeito @jhc4040 tem feito um início de mandato coerente, com o compromisso em cuidar da população, principalmente, daqueles que mais necessitam do poder público. Instituiu o passe livre , diminuiu a passagem de ônibus, criou a CNH Social , cortou gastos na gestão. Isso mostra sua responsabilidade e zelo com o erário e com a população. Agora a sociedade maceioense solicita ao prefeito @jhc4040 que vete a LOA, com relação ao aumento do duodécimo da Câmara, que irá bancar o aumento das verbas indenizatórias dos vereadores. Maceió não suporta mais essa farra com dinheiro público”, cobra o o vice-presidente do Sindicato dos Servidores da Secretaria de Saúde do Município de Maceió (SindSaúde), Alesandro Fernandes.

Leia Também! Sindicato diz que vai entrar com ação no MPAL contra “farra do dinheiro público” na Câmara de Maceió

Por fim, a campanha “Veta, JHC” coloca prefeito entre ter que decidir pelo lado político (dizer sim ao novo duodécimo da Câmara) e/ou se manter coerente diante da opinião pública (de tudo que já foi feito até hoje).

É isto!

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Uma comentário sobre “Campanha “Veta, JHC” coloca prefeito entre o lado político e a opinião pública”
Deixe um comentário