webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px
webbanner_BEM+AULAS COM CUIDADO_728x90px

Eleições 2022: Câmara dos Deputados aprova volta das coligações

Por Kléverson Levy

Um dos pontos principais do texto-base da PEC da reforma eleitoral (Proposta de Emenda à Constituição 125/11), sem dúvidas, foi a retirada da previsão do sistema “distritão” nas eleições de 2022.

Com a aprovação para o destaque do Psol, por 423 votos a 35, o “distritão” foi extinto e, nas próximas eleições, os pleitos terão a volta das coligações partidárias para proporcionais (deputados e vereadores) já a partir de 2022.

A votação na Câmara dos Deputados aconteceu nesta quarta-feira, 11, após acordo entre a maioria dos partidos sobre pontos polêmicos do texto aprovado na Comissão Especial.

Segundo o site Agência de Notícias Câmara, a PEC deve virar emenda constitucional antes do começo de outubro (um ano antes do pleito) para ser válida em 2022.

Parlamentares no plenário nesta quarta-feira, 11 / Fotos: Agência Câmara de Notícias

Quanto ao famoso “distritão” foi um apelido dado para o sistema de eleição majoritário, segundo o qual apenas os mais votados seriam eleitos.

Esse sistema seria, já que foi recusado no plenário da Câmara dos Deputados, usado na escolha de cargos do Executivo (presidente da República, governador e prefeito) e também para senador.

Com esse resultado pela extinção, claro, a eleição de 2022 será repensada pelos partidos e coligações em todo o Brasil.

Em Alagoas, deputados estaduais e deputados federais devem refazer o cálculo eleitoral e repensar na famigerada “união das coligações” devido o tempo de TV.

Vale salientar ainda que fim do “distritão” e a volta das coligações, de fato, beneficiará – mais ainda – que detém de mandatos eletivos e estarão indo em busca da renovação dos mandatos na Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) e Câmara dos Deputados.

Será?

#VidaQueSegue

Email: redacao@blogkleversonlevy.com.br

Redes sociais: @blogkleversonlevy

Deixe um comentário